Carregando...

Perguntas frequentes sobre o balão intragástrico

Diferença entre Balão Intragástrico e Endossutura.

Quem pode usar o Balão Intragástrico?

Posso colocar o balão intragástrico estando grávida?

O que acontece se eu engravidar durante o tratamento?
Recomendamos cuidado extra com contraceptivos. Durante a adaptação do balão, onde os episódios de vômitos são comuns, solicitamos usar outro método que não o contraceptivo oral. Se houver gravidez, o consenso é retirar o dispositivo no segundo trimestre da gravidez, ou seja, interrompendo o tratamento com o balão precocemente. O balão não interfere em nada com a formação do feto, mas uma provável desnutrição causada por ele sim.

Posso sentir o balão intragástrico dentro do meu estômago?
A sensação de que existe algo diferente dentro do estômago ao colocar o balão intragástrico varia de pessoa para pessoa. Durante o tratamento é possível que você sinta o balão no estômago, mas após um curto período de tempo essa sensação diminui.

Depois de colocar o balão intragástrico terei restrições em minhas atividades?
Após 3 dias da colocação do balão intragástrico normalmente você pode prosseguir com as atividades do dia a dia, inclusive os exercícios físicos, porém de leve intensidade. Também é importante seguir as orientações médicas e evitar a prática de exercícios de alto impacto, como por exemplo, boxe.

Com a colocação do balão intragástrico não vou sentir mais fome?
O balão intragástrico não vai tirar sua fome, mas tende a diminuí-la! Isto ocorre pois ao colocar o balão, ele passa a ocupar um espaço em seu estômago causando um efeito restritivo à ingestão de alimentos bem como provocando uma sensação de saciedade precoce. Isso é mais evidente nos três primeiros meses de tratamento. O resultado é que você irá comer menos, pois logo estará satisfeito com uma menor quantidade de comida ingerida. Espera-se que esse hábito perdure após a retirada do balão.

Ao colocar balão intragástrico vou precisar tomar alguns remédios?
Como em qualquer tratamento médico, os remédios são necessários para dar apoio ao processo, especialmente na fase inicial de adaptação. Durante toda a permanência do balão é preciso, por exemplo, controlar a acidez do estômago com o uso constante de medicação específica (prazóis).

Pode ocorrer vazamento do líquido do balão intragástrico?
Há uma incidência baixíssima de vazamento de líquido do balão descritos na literatura médica mundial, assim como na nossa larga experiência (7 balões em 1000 no prazo de garantia). O balão é preenchido por um líquido azul e caso haja extravasamento do mesmo o portador do balão urinará várias vezes muito esverdeado. Então o paciente entrará em contato com o médico para uma avaliação endoscópica do balão e possivelmente sua retirada (se no período de garantia – troca). Se não for possível a retirada dentro de 72 horas, há um risco, ainda que pequeno, do balão migrar para o intestino.

O balão intragástrico pode se romper dentro do meu estômago?
Sim, é possível isso acontecer, especialmente com o passar do tempo, devido a ação do suco gástrico, alimentos e fungos sobre a parede do balão, que vai se fragilizando e pode romper, especialmente após o sexto mês. Isso é muito raro e não é motivo de preocupação, haja visto que, além da denúncia na urina verde, o balão com o qual trabalhamos tem excelente qualidade, reconhecida mundialmente.

É preciso fazer acompanhamento médico durante o tratamento?
Na ANGIOSKOPE indicamos acompanhamento médico multidisciplinar durante o tratamento com o balão intragástrico. Profissionais das áreas de nutrição e educação física poderão estar inclusos no nosso pacote de tratamento, porém um endocrinologista e psicóloga podem ajudar você a perder mais peso do que perderia somente com os resultados da presença do balão em seu estômago. Estudos demonstram que atividade física com regularidade trazem uma perda de 20 a 40% a mais nestes pacientes do que naqueles que não a fizeram. De qualquer forma o fundamental para que o tratamento renda bons resultados é que você seja o seu próprio aliado, que procure se adaptar às orientações médicas e manter um comportamento mais saudável.

Após retirar o balão intragástrico eu nunca mais voltarei a engordar?

A manutenção do peso, independente do método escolhido para o emagrecimento, depende de disciplina, mudança de hábitos e força de vontade. Durante os meses de tratamento procure seguir as orientações de profissionais para uma reeducação alimentar, adquirindo hábitos alimentares mais saudáveis, manter o seu equilíbrio psicológico, bem como a prática de atividades físicas, pois é isso que irá garantir a manutenção do peso depois da retirada do balão intragástrico. A proposta do balão é emagrecer. Manter o resultado sempre será um ônus da pessoa que conseguiu emagrecer. Isso vale para balão, remédios e cirurgias bariátricas.

A colocação do balão pode provocar alguns efeitos colaterais?
Nas primeiras 72 horas após a colocação do balão é bastante comum que você sinta muito enjôo, vômitos e dor abdominal. Normalmente estes sintomas diminuem muito após o 5o dia. Isso acontece porque o organismo precisa se adaptar à presença do balão intragástrico, que é interpretado como um corpo estranho que está estimulando contrações intensas no início do tratamento. Após esse período de adaptação, o desconforto diminui bastante e você pode prosseguir com suas atividades diárias, inclusive exercícios físicos indicados pelo médico. De qualquer forma serão prescritos medicamentos para tentar controlar ao máximo estes efeitos colaterais. Vale lembrar que cada organismo é diferente do outro, e embora estatisticamente sejam 3 a 4 dias de mal-estar, isso é imprevisível quando pensamos em cada indivíduo.

Após 6 meses de permanência com o balão intragástrico eu realmente necessito retirá-lo?
Essa é uma decisão médica. O prazo máximo de permanência do balão intragástrico dentro do estômago no intuito de perder peso é de seis meses. Não importa a marca do balão ou o endoscopista. Sua permanência após esse período ajudaria apenas a manter uma reeducação alimentar. Se você desejar perder mais peso com esse método, você pode colocar um novo balão intragástrico, geralmente no mesmo dia da retirada do primeiro balão, ou respeitando o período de três meses após a retirada.

Há garantias de resultados, ou seja, de que irei realmente emagrecer colocando o balão?
Não. Como qualquer tratamento médico não há garantia de resultados. Infelizmente o resultado do tratamento não dependerá somente do balão. Dependerá de inúmeros fatores, intrínsecos e extrínsecos ao paciente, tais como se o paciente seguirá corretamente o tratamento, com acompanhamento nutricional adequado, exercícios físicos e restrição calórica. Além disso, cada organismo tem uma velocidade de perda e infelizmente alguns pacientes podem perder menos peso do que o esperado. Normalmente, a meta é de perda de 4 a 5 pontos do seu IMC atual ou 20% do peso atual.


2 comentários

  • Por favor e ne fala e muito caro ,vcs fica em qual regiao,peso 114 kg,tem 1,70 de altura,querua mt colocar,logico se ti er no eu alcançe

    Resposta

  • Andreia Meura

    em

    gostaria de saber o preço e endereço

    Resposta

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados *


angioskope-logo-branco-320x90

Profissionais médicos atuantes e técnicos auxiliares capacitados durante a realização dos procedimentos, bem como aparelhos de última geração também fazem parte do arsenal da clínica para trazer aos nossos clientes um atendimento compatível com aquilo que pregamos.

Facebook



Quer saber mais?
Acesse nossas redes sociais

Angioskope 2017. Todos os direitos reservados.